Espiritualidade e Sociedade




Marc Tritel

>     Você está respirando?

Artigos, teses e publicações

Compartilhar

Marc Tritel
>   Você está respirando?

 

--------------------------------------

 

A maioria de nós poderia usar mais inspiração em nossas vidas. Mas onde pode ser encontrada a inspiração?

Como cientista, eu descobri que não precisamos ir mais longe do que os processos que ocorrem dentro de nossos próprios corpos. Tive a sorte de ter frequentado uma yeshivá (centro de estudos judaicos religiosos) antes de entrar no programa de Ph.D. da Cornell University em biologia celular e genética. Ter passado por essa experiência me permitiu estudar biologia com um coração aberto. Enquanto examinava o funcionamento incrivelmente complexo do corpo humano, um sentimento de reverência me dominava diante da inteligência infinita de nosso Criador.

Eu gostaria de compartilhar um pouco dessa experiência. Espero que isso inspire os mesmos sentimentos de admiração e gratidão que eu senti como um estudante, e ainda sinto hoje, quando eu contemplo essas coisas.

Vamos começar com a respiração. Respirar é um processo fantástico que um corpo saudável realiza perfeitamente, minuto após minuto, dia após dia, ano após ano, sem nunca ter que pensar sobre isso. As coisas ficam ainda mais interessantes quando olhamos para as exigentes e complicadas "missões" que a respiração realiza em nossos corpos. Essa conversa sobre missões difíceis está começando a soar como um filme de James Bond? Talvez sim, mas isso é porque a respiração é, para mim, tão dramática quanto. Mas não você não precisa aceitar minha opinião, você pode decidir por si mesmo.

Se você está lendo este artigo, você está respirando. Uma pessoa média respira pelo menos 20.000 vezes por dia, mais ainda se for fisicamente ativa. A maioria das pessoas saudáveis nem pensa sobre a respiração, a menos que eles estejam tentando nadar debaixo d'água através de uma piscina olímpica (ou, para uma pessoa descoordenada como eu, tentando fazer nado livre sem inalar água).

Agora, vamos olhar o que a respiração realiza. Para começar, temos cerca de 50 trilhões de células vivas em nossos corpos, um número difícil para a maioria de nós para compreender. Talvez ajude (ou talvez não) se pensar que 50 milhões de células são apenas um milionésimo das células em nosso corpo. Em qualquer caso, cada uma das células requer oxigênio para funcionar. A maioria das células do nosso corpo está demasiado longe da superfície para obter o oxigênio do ar. Elas, portanto, dependem de vasos sanguíneos para levar a elas oxigênio fresco, ligando-as aos pulmões.

Você provavelmente sabe que os vasos sanguíneos trazem sangue pobre de oxigênio das extremidades do corpo para os pulmões, onde ele é revitalizado e bombeado de volta para o corpo. Você talvez não saiba o quão extensa é a rede. Como as células usam o oxigênio muito rapidamente, cada célula tem de estar muito perto de um vaso sanguíneo. Quero dizer realmente perto: cerca de um décimo de milímetro. Isso significa que precisamos ter uma incrivelmente extensa rede de vasos sanguíneos dentro de nós. Na verdade, se nós colocarmos todos os nossos vasos sanguíneos um na extremidade do outro, a rede se estenderia por 100.000 Km!

Considere o fato de que seu pequeno coração, não maior que seu punho, está constantemente bombeando sangue através de toda essa rede de 100.000 Km, sem nunca se cansar. E seus pulmões estão constantemente trabalhando para repor oxigênio no sangue empobrecido que passa por eles, rápido o bastante para fornecer oxigênio para cada uma dessas 50 trilhões de células, literalmente a cada minuto, sem que nós jamais tenhamos que nos preocupar com isso.

Agora vamos fazer uma pausa, respire fundo, e dê graças ao Projetista.



topo

 

Acessem os Artigos, teses e publicações: ordem pelo sobrenome dos autores :
- A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O
- P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z - Allan Kardec
* lembrete - obras psicografadas entram pelo nome do autor espiritual