Espiritualidade e Sociedade



Raphael Reys


>   A Metafísica do Tempo

Artigos, teses e publicações

Compartilhar

Raphael Reys
>   A Metafísica do Tempo



Para o movimento, a ocupação de lugar no espaço, e mesmo para a imobilidade, é imprescindível o tempo.

O lirismo dos poetas, anjos encarnados, ao buscarem o eterno, nada mais é do que a alma, aspirando a um lenitivo para a consciência objetiva, ávida por resultados definitivos e objetivamente prontos para que ela se faça satisfeita.

As Enéadas nos ensina ser imponderável, e mesmo indispensável conhecer a eternidade; para que possamos definir em nossa consciência a função e constituição do fator tempo.

Relata Platão que: O tempo é uma imagem móvel da eternidade. Sendo também imutável e metafísico! O futuro é uma muleta, construída pelos nossos anseios.

Passado, presente, futuro, é um eterno movimento. As coisas persistem e transcorrem numa grande felicidade de conjuntos. É o eterno grande momento de Deus!

Tudo é somente o Um! Um instante na mente do Supremo. A nossa consciência acompanha apenas à sucessão das manifestações, as variedades. O universo é unânime!

Os anjos giram o homem, giram o tempo e giram a roda inexorável da sorte, da vinda e da ida, da vida e da morte.

Nossa imaginação também gira esta, entretanto, é movimentada, por um arcanjo, supervisionada por um Serafim, avaliada por um Querubim, e definida por um trono, tal é a importância do homem no contexto da evolução.

A matéria é apenas um espelho oco, que reflete o movimento da energia. No cosmo visão dos Estóicos: O universo é consumido ciclicamente pelo fogo que o gerou e ressurge da destruição para refletir uma história idêntica. É a Sansara, a roda cósmica!

A alma é dotada da faculdade divina de pensar e existir, e usando a sua imaginação, pode alçar vôo pelo universo das manifestações, indo aonde lhe aprouver, vendo e interpretando conforme a sua individualidade, e grau de sensibilidade. É a sua experiência em adaptação.

O que fica é a beleza esplendorosa da vontade divina, que expressa através da ação, e com a compreensão adquirida por nosso intermédio.

 


topo

 

Acessem os Artigos, teses e publicações: ordem pelo sobrenome dos autores :
- A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O
- P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z - Allan Kardec
* lembrete - obras psicografadas entram pelo nome do autor espiritual